sábado, 23 de novembro de 2013

DEIXA ASSIM


Não foi por falta de amor, foi por zelo que me distanciei. Se mais tempo permanecesse, ele, o amor, teria se transformado em qualquer coisa dolorida e odiosa e hemorrágica. Desse modo, distanciados os corpos e os verbos, ele, o amor, continuará intacto. Deixa assim, pra não passar do ponto(final)...


DEIXA ASSIM - Lena Ferreira - nov.13
Postar um comentário