sexta-feira, 13 de março de 2015

IMPERFEITO

Se eu pudesse, beberia dos teus olhos
essas lágrimas que vão dependuradas
disfarçadas por pequenos ciscos
prestes a caírem no vazio
...da voz

- mas, não posso -

Se eu pudesse, enxugaria dos teus lábios
essas queixas que escorrem silentes
disfarçadas por rios de risos
prestes a desaguarem no estio
...da foz

- mas, não posso -

Se eu pudesse, apagaria da tua alma
as lembranças de marcas indeléveis
disfarçadas por quadros floridos
prestes a trincarem as paredes
...de nós

- mas, não posso -

E diante dessas impossibilidades,
resta-me o aguardo pelo tempo clemente
dissolvendo o mal feito e o mal dito
na fumaça do vento ou no incenso
...dos sós

- mais, não posso -



IMPERFEITO - Lena Ferreira - mar.15
Postar um comentário