quarta-feira, 10 de setembro de 2014

NO INVERSO


Enquanto lhe procuravam
entre as cores desbotadas e sombrias
dos mais estranhos e arrastados dias
só olhavam, mais não viam

Enquanto lhe procuravam
entre as folhas desmaiadas e frias
dos outonos mais extensos em agonias
só olhavam, mais não viam

Enquanto lhe procuravam
entre os enredos mais doídos e insanos
das prosas volumosas em enganos
só olhavam, mais não viam

Enquanto lhe procuravam
entre as redes de grosseiras texturas
bordava suavidades e canduras
só, no inverso que não viam


NO INVERSO – Lena Ferreira – set.14

Postar um comentário