quarta-feira, 13 de maio de 2015

SOBRE OS ARCOS

Com passos de espera inverniça
caminho leve, apreciando a paisagem
de um outono morno e tão incerto
como os meus pensamentos vãos

as folhas no caminho, semimortas
esboçam um sorriso enraizado
contrafeitas com o destino natural:
foram escolhas?
foram escolhas?

divago nessas interrogações
enquanto os meus passos se amiúdam
como adivinhassem necessário o instante
pondo-me diante da ponte imponente

meus olhos se enchem sobre os arcos
bebendo a visão majestosa ao redor
um cheiro de estiagem passeia por mim
enquanto uma brisa temperada me abraça

sob a ponte que separa os meus mundos
um córrego, manso, frio e fino
recolhe as folhas despidas dos galhos
levando-as para muito além do mais

ao longe, ouço ainda alguns murmúrios
e os assovios não consentem o abafar:
foram escolhas?
foram escolhas?



- o inverno não tarda em chegar -



SOBRE OS ARCOS - Lena Ferreira -
Postar um comentário